COVID-19: em 13 dias, família perde cinco pessoas para a doença no RS
29 julho 2020 - 14h38
Visualizações: 1660

A família Padilha está convivendo com a dor da perda do quinto membro da família para o coronavírus.

Nesta quarta-feira, dia 29 de julho, foi confirmado o óbito do empresário Francisco Adelar Padilha, o Xico. Ele lutava contra a doença há algumas semanas. A família, inclusive, havia conseguido um doador de plasma para uma transfusão na esperança de que o tratamento pudesse reverter a gravidade da situação.

Xico não resistiu a gravidade da doença e faleceu nesta manhã. Ele tinha 59 anos e se notabilizou na região dentro do setor turístico ao construir uma carreira quando começou como garçom e chegou a empresário de sucesso no setor gastronômico tornando-se proprietário de um famoso fondue denominado Restaurante Piccolo Paradiso do Xico. Ele também chegou a ocupar o cargo de presidente do Sindicato da Hotelaria.

Em 13 dias, esta família de gramadenses, canelenses e integrantes de outras cidades da Serra Gaúcha teve as perdas de Solon Gonçalves Padilha, de 88 anos, e Leonor Alano Padilha, de 84, o Odilon Alano Padilha, de 58 anos, e Eteval Alano Padilha de 64 anos.

No total, 12 pessoas da família testaram positivo para a doença.

veja também
Líbano lida com devastação feita por explosões no porto
Mais 4,8 milhões recebem novas parcelas do auxílio nesta quarta
publicidade