Caminhoneiro de Jacutinga morre no Tocantins com suspeita de Covid-19
22 março 2020 - 11h20
Visualizações: 1929

Gaúcho estava trabalhando em uma fazenda na cidade de Silvanópolis

Um caminhoneiro de Jacutinga morreu na noite deste sábado, 21, na cidade de Porto Nacional, no Tocantins, com suspeita de coronavírus. Ele teria iniciado protocolo de atendimento em Silvanópolis com quadro de insuficiência respiratória e suspeita de infecção provocada pelo Covid-19.

Conforme prontuário do hospital de Silvanópolis, Anselmo Müller, de 55 anos, era diabético e estava com síndrome respiratória moderada. Ele ficou em isolamento onde iniciou-se a investigação para coronavírus. Conforme informações da família, o paciente seria levado para o Hospital Geral de Palmas, mas acabou morrendo antes da transferência. O resultado do exame para Covid-19 ainda não foi divulgado.

Anselmo morava com a família em Jacutinga e estava trabalhando em uma fazenda de Silvanópolis em razão da safra. O caminhoneiro deixa esposa, três filhos e um neto.


Fonte: Atmosfera Online

veja também
Alteração do Decreto sobre o COVID-19 no Município de Ibiaçá-RS
Assaltante invade apartamento e agride violentamente mulher em Passo Fundo
publicidade