Lote Urbano
Lote Urbano
VEJA
TODOS
OS ANÚNCIOS
Crimes ambientais são fiscalizados pela Polícia de Passo Fundo em áreas indígenas
22 outubro 2021 - 15h46
Visualizações: 67

As forças policiais de Passo Fundo seguem auxiliando na retomada da paz na reserva da Serrinha, região de Ronda Alta. No último final de semana houve um desfecho trágico envolvendo atentados contra a vida e posterior dois assassinatos de indígenas em uma disputa interna envolvendo arrendamentos.

Os arrendamentos são ilegais e por isso a Polícia está atuando para combater a raiz do problema, onde o homem branco, o não índio, se aproveita dos arrendamentos e também algumas lideranças aproveitam para receber altos valores com isso.
O BPChoque de Passo Fundo, que atende qualquer lugar do Estado, segue auxiliando no policiamento, assim como a Força Nacional. No entanto a situação de arrendamentos motivou uma operação conjunta da Brigada Militar, por meio do Batalhão Ambiental de Passo Fundo, buscando naquela região crimes ambientais.

Os policiais de Passo Fundo atuam na “Reserva da Guarita”, também nos municípios de Miraguaí, Planalto e Liberato Salzano. Em Liberato Salzano a extração de pedras também foi alvo de operações. O objetivo é identificar arrendatários ilegais das terras indígenas, venda de madeira ilegal, bem como coibir e fiscalizar possíveis crimes ambientais nas regiões.

.

Fonte: Rádio Tapejara

veja também
Prorrogadas as inscrições para concorrer as vagas temporárias do Censo 2022, em Ibiaçá
Produtores de Ibiaçá devem fazer revisão dos blocos de produtor
publicidade